Mães que estudam

Como conciliar concurso e maternidade?

Quantas mulheres vivem esse conflito todos os dias?

Seja porque já é mãe, ou porque quer ser um dia.

Aquelas que já o são, muitas vezes sofrem com a dificuldade de dividir o tempo com a tarefa de ser mãe e concurseira.

Os filhos exigem tempo, atenção, dedicação e muito, muito planejamento. Quantas de vocês já não programaram suas semanas de estudo e tudo vai por água abaixo diante de uma necessidade da criança? Isso sem falar nas inúmeras gripes, bronquiolites, alergias e toda a sorte de doenças infantis que fazem com que o nosso tempo seja dedicado a ela.

 

E as crises dos adolescentes que exigem a vigilância constante? Acha que acaba na vida adulta? Não! Pois a maternidade independe da idade de seus filhos!!

 

Mas você está aí, firme e forte estudando…

 

Não se sinta culpada em dividir o seu tempo de estudo com quem você ama. Foca no que precisa ser feito, tenha um planejamento, fique atento ao que rouba o seu precioso tempo, peça ajuda (você não precisa ser uma heroína), busque formas para facilitar sua vida e tenha mais QUALIDADE do que quantidade de horas com sua família.

 

Outras mulheres  adiam a maternidade até a aprovação.

O tempo cada dia se torna mais escasso. Para a mulher o tal “relógio biológico” bate em um ritmo muitas vezes descompassado com a vida. Quando isso acontece muitas sofrem com a ansiedade e cada concurso é como se fosse o “concurso da vida”. Viver assim só aumenta a ansiedade e prejudica na aprendizagem. Os que estão em volta dessa mulher, paciência… Ela não consegue ouvir a famosa frase “tudo tem o seu tempo”. Ela sente ele escoar nas mãos e os ponteiros daquele relógio correr.

 

Duas situações que vivencio com alunas e amigas e que tem sido cada dia mais comum. Por isso hoje minha mensagem do dias das mães não vai apenas para elas. Vai para você que está ao lado dessas guerreiras. “Parabéns” é pouco. Elas precisam de paciência, de ajuda, de encorajamento, de incentivo, de divisão de tarefas, de apoio psicológico e algumas vezes de apoio financeiro. Se você está ao lado de uma mulher que é mãe ou quer ser e está estudando para concurso, tenha empatia. Se você é uma dessas orgulhe-se de ser tão forte, isso não é para os fracos! Se está neste caminho saiba que não está sozinha e que o BiblioJuris é um dos que está na torcida para que sua aprovação chegue o mais rápido possível!

 

Se já trilhou esta estrada divida conosco sua experiência e ajude outras mulheres. Como VOCÊ passou por essa fase e venceu?

Posted in Apoio ao concurseiro, Produtividade and tagged , , .

Deixar uma resposta